domingo, 26 de fevereiro de 2012

uma boa notícia

Começa um tempo novo, uma nova janela se abre no íntimo de cada pessoa… Uma nova janela quer abrir-se em mim.
Desejo chegar junto dela e perscrutar a vida, presenciar um Deus presente, que em Jesus, me mostra que é possível ver mais longe, ver até à Cruz que dá Vida… É Ele que uma e outra vez renova um convite à liberdade, mas ainda assim repete: “quem quiser seguir-me…”
Deixo uma foto tirada numa janela do Vaticano e uma pequena reflexão.
Boa Quaresma!


“Convertei-vos, porque está próximo o reino de Deus”.
Que podem dizer estas palavras a um homem ou a uma mulher dos nossos dias?
A ninguém nos atrai ouvir um convite à conversão. Pensamos logo em algo custoso e pouco agradável: uma ruptura que nos levaria a uma vida pouco atractiva e pouco desejável. É realmente assim?
O verbo grego que se traduz por “converter-se” significa na realidade “pôr-se a pensar”, “rever o enfoque da nossa vida”, “reajustar a perspectiva”.
As palavras de Jesus poderiam entender-se assim: “Olhai se não tendes que rever e reajustar algo na vossa maneira de pensar e de actuar para que se cumpra em vós o projecto de Deus de uma vida mais humana”.
Converter-nos é “libertar a vida” eliminando medos, egoísmos, tensões e escravidões que nos impedem crescer de maneira sadia e harmoniosa.
“Convertei-vos e acreditai na Boa Notícia”, convida-nos a descobrir a conversão como passo para uma vida mais plena e gratificante.

José Antonio Pagola.
O caminho aberto por Jesus

Sem comentários: