domingo, 28 de setembro de 2008

Aniversário



"Cada dia que passa na minha vida ,
é mais um pequeno capitulo,
de uma linda uma
HISTÓRIA DE AMOR"

Ontem foi o dia do Meu aniversário! Gosto desta foto com os meus pais e por isso a coloco.
Foi um dia simples, feliz, gratificante... Fui à Eucaristia pela manhã e agradeci ao Senhor, com desejo de muita verdade, o Dom da Vida, vida que vou apreciando cada vez mais, com todas as bençãos, todas as alegrias ou custos, mas que me leva a acreditar cada vez mais que dia após dia a nossa energia se vai gastando e renovando ao mesmo tempo... É o ciclo da vida e o tempo de Deus.
A minha familia e muitos amigos fizeram-me sentir muito amada e muito feliz.

quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Escuto





Recordo com saudade um grande amigo que já partiu para Deus.
É hoje o dia do seu aniversário natalício e por isso lhe digo: Parabéns amigo!
Vela por mim...

Escuto mas não sei
Se o que oiço é silêncio
Ou Deus

Escuto sem saber se estou ouvindo
O ressoar das planícies do vazio
Ou a consciência atenta
Que nos confins do universo
Me decifra e fita

Apenas sei que caminho como quem
É olhado amado e conhecido
E por isso em cada gesto ponho
Solenidade e risco
Sophia de Mello Breyner Andresen

domingo, 21 de setembro de 2008

Partilhando a fé...

Da Carta de Paulo aos Filipenses - 1,20c-24.27
Cristo será glorificado no meu corpo, quer eu viva quer eu morra. Porque, para mim, viver é Cristo e morrer é lucro. Mas, se viver neste corpo mortal me permite um trabalho útil, não sei o que escolher.
Sinto-me constrangido por este dilema: desejaria partir e estar com Cristo, que seria muito melhor; mas é mais necessário para vós que eu permaneça neste corpo mortal.

Fez-me muito bem ouvir e reflectir nestas palavras de Paulo. Elas são mais uma vez um desafio para a minha vida. Desafio ao modo como reajo às dificuldades e como muitas vezes falo da morte e do desejo de me encontrar com Deus.
E questiono-me: Quais são as minhas motivações e os meus desejos, os meus sonhos ocultos?
De facto Deus tem um plano para cada um de nós, e os Seus planos sobre mim podem parecer não coincidir com os meus ou até muitas vezes parecerem contraditórios…
Fico a pensar na liberdade total de Paulo perante a questão da vida ou da morte. Essa liberdade que, exprime a fé que o anima, o fortalece e permite encarar a morte, não como libertação das dificuldades da vida... que somos chamados a viver dia a dia; mas como caminho…possibilidade, para o encontro com Jesus Cristo. Saboreio hoje melhor e num desejo profundo de aumentar a minha fé, esta frase tão bonita de Paulo: “para mim, viver é Cristo e morrer é lucro”.

sábado, 20 de setembro de 2008

O amor, simplesmente...


Soutelo - Dezembro 2007

"O Amor é a dádiva Divina, plantada no coração humano, para que ao brotar, o faça ainda mais parecido com o seu Criador"

Nilson Roberto Custódio

"O vocabulário do amor é restrito e repetitivo, porque a sua melhor expressão é o silêncio. Mas é deste silêncio que nasce todo o vocabulário do mundo"Virgílio Ferreira

Escrevo um pouco neste dia em que o brilho das estrelas me parece um pouco triste. O Outono anuncia a sua chegada com uma chuva miudinha...

Quero falar um pouco de Amor e recordar mais uma vez, as pessoas que transformam toda a sua vida em doçura... daquela que se prova, por exemplo, nos deliciosos figos "lampos"!

E são pessoas como Fátima (Fátinha para os amigos), cujo sorriso, tive hoje muito presente no meu coração, que cada vez mais me fazem amar a vida e levar o meu sonho para diante.

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

"Uma Carta para o Futuro "


Encerramento dos Paraolímpicos

À medida que a cortina caiu sinalizando o fim do Jogos Paraolímpicos de Pequim 2008, os fãs ficaram com uma profunda sensação de uma quase palpável "Carta para o Futuro", abrangendo muitas esperanças para os próximos anos.


"...É nisto que somos bons!"
Eu antes diria, somos bons em muitas outras coisas, porque sendo diferentes somos iguais! Parabéns a todos nossos atletas! Não só pelas medalhas, porque elas não valem por si só... Importa sobretudo a participação, o desafio, o sonho... E os nossos atletas sonharam e voaram no grande infinito "O Ninho de pásssaros"!

Parabéns também aos atletas Olímpicos, cujo desempenho também acompanhei com todo o interesse e alegria.

sábado, 13 de setembro de 2008

Pelo Sonho...

Pelo sonho é que vamos,
comovidos e mudos.
Chegamos? Não chegamos?
Haja ou não haja frutos,
pelo sonho é que vamos.
Basta a fé no que temos.
Basta a esperança naquilo
que talvez não teremos.
Basta que a alma demos,
com a mesma alegria,
ao que desconhecemos
e ao que é do dia a dia.
Chegamos? Não chegamos?
- Partimos. Vamos. Somos.
Sebastião da Gama

domingo, 7 de setembro de 2008

Os deficientes - eficintes...


Cada vez mais acredito que uma questão de tirar o 'd'...
E não quero deixar de partilhar a alegria que senti ontem ao assistir à cerimónia, cheia de beleza e ternura artística, na abertura dos Jogos Paralímpicos 2008, na China.
Penso que são trinta e cinco os atletas portugueses que se delocaram até lá e embora se tenha falado mais nos Jogos Olímpicos que envolveram muito mais pessoas e que tanto gostei de ir acompanhando, acredito que mais uma vez, será nos Paralímpicos que iremos sentir o coração vibrar ouvindo algumas vezes o nosso Hino Nacional.

No momento em que o atleta chinês Hou Bin, em cadeira de rodas, foi acender a chama, levantando-a com a força de braços, essa força que eu conheço bem e que nos faz arriscar cada vez mais, senti o meu coração vibrar de emoção... Ele ía feliz, içado por uma corda e fez-me sonhar com o céu!
Senti-me/sinto-me verdadeiramente feliz!

quinta-feira, 4 de setembro de 2008

Obrigada!

Tenho andado um pouco calada, sem vontade, sem desejos, quase sem sonhos... Sinto no entanto, que estes momentos são necessários e me fazem bem, trabalho sem me dar conta, dedico-me mais à leitura e sinto um desejo maior de "estar" com Deus.
Hoje, tinha na caixa do correio, um postal que em poucas palavras me diz tanto! E é tão raro nestes tempos, receber este tipo de correspondência via CTT...
Que alegria, que serenidade, que força, tu passas para a minha vida, querida amiga! Transcrevo...

Amiga
Nestes dias de férias,
em que o tempo é menos breve,
tenho-me lembrado de ti!
A praia fala-me de ti,
ou lembra-me as palavras do teu blog...
O mar fala-me do nosso Deus,
de como somos pequeninos
diante da imensão do Amor,
de como, tantas vezes,
nos gastamos por coisas
tão sem valor!
Cada vez mais sinto que a vida é
"o Caminho para o menos"...
e que o menos é MAIS!
Abracinho grande como este mar...