sábado, 26 de setembro de 2009

Caminho de Luz


O local é calmo silencioso.... Silêncio que foi escolhido e desejado.
A paisagem é refrescante e calma.
Sento-me no muro mesmo pertinho do mar…

Vejo a certa altura que o sol se reflecte nas águas deixando um rasto de luz… Fixo o meu pensamento e o meu coração desejando seguir aquele sinal que passa a ser NOVO para mim.

Deixo que todo o meu ser se envolva naquela Luz, mesmo quando já só vejo o reflexo…
Para qualquer lado que me desloque, esta luz segue-me e orienta-me, leva-me “desde o princípio até ao fim” de mim própria!

A Vida... e o Deus da Vida, sempre me orientam e me querem orientada, mas a minha grande necessidade, é ser consciente destes sinais».

Noto que a luz começa por se reflectir na areia com diversas nuances, fazendo-me recordar momentos da minha vida em que a sua claridade esteve mais ou menos presente e reflectida no meu caminho.

Mais além da zona de rebentação levanta-se uma onda que avança sobre a areia….
A seguir vem outra onda e mais outra… Mas o caminho está lá, distinguindo-se doutros caminhos.
As ondas criam zonas de sombra mais ou menos intensa, mas suave.

Como diria um grande amigo:
É assim na vida natural e na vida da Fé...

Mais adiante, quando a crista das ondas deixa de ser tão visível, tudo fica mais sereno. Depois da agitação surge a paz; depois da tempestade vem bonança.

É assim na vida natural e na vida da Fé...

Na linha do horizonte, define-se o fim do mar e do céu que vejo… como se de um mar sem areia e sem fundo se tratasse.

Mas há mais mar e mais céu do este…Há mais sombra e mais luz também!
O céu já está todo iluminado e essa luminosidade vai ficar a acompanhar-me mesmo quando o sol desaparecer.

É assim na vida natural e na vida da Fé...

Sinto que esta luz me proporciona uma alegria e uma paz profundas... e quero partilha-las, não só com aqueles que vivem, mas também com alguns que partindo, permanecem vivos nos corações pela força do Amor…

É assim na vida natural e na vida da Fé...

SINTO-ME ABENÇOADA, por poder apreciar este momento que tão gratuitamente me é oferecido...
Amanhã, aconteça o que acontecer… a minha âncora segura está em Deus que me ajudará a confiar nos outros e a oferecer-lhes Esta Luz que me habita e fortalece.

(Para o Manuel que viveu buscando o “Caminho da Luz” e partiu há poucos dias para Deus)

Alice

A Foto é da minha amiga Maria (Falconetti)

3 comentários:

Faconetti disse...

Não tenho palavras para exprimir o que eu estou a sentir neste preciso momento. OBRIGADA! Por seres minha AMIGA! OBRIGADA por me dar tanta força! Obrigada por estares sempre aqui ao meu lado mesmo sem dares conta ....OBRIGADO

falconetti disse...

hoje precisei de sentir este caminho de luz e cada vez que o leio ,fecho os olhos e oiço o mar,vejo a luz,essa luz que tanto precisamos e que tanta força nos dá .Há dias que parece que somos a onde que se desfaz,mas a seguir vemos outra a nascer de novo , a formar-se ainda com mais força e a luz sempre a aconpanhar....que maravilhas que Deus fez.....que Deus faz....e´é essas maravilhas que nos ajudam a seguir em frente... Que Deus nos dê a luz ...os sinais para seguirmos em frente....
Como tu dizes: " É assim na vida natural na vida da Fé"
Espero que a minha âncora esteja bem funda ,bem agarrada ao mar....

Alice disse...

Amiga

Obrigada!
Também eu tenho voltado algumas vezes ao Caminho da Luz... E faço-o certamente contigo, porque somos capazes de sonhar em conjunto novos ideais e acolher novas forças com Deus e em Deus.
O tempo passa... e o "furacão" que tenho dentro de mim nem sempre está apaziguado.
Os sentimentos e a vida recusam-se a seguir em frente, mas não desisto mesmo assim.
Esta vida é mesmo a luta de querer agarrar o bem e o amor e ao mesmo tempo não ser capaz!

É assim na vida natural na vida da Fé"