segunda-feira, 24 de junho de 2013

Os canteiros da minha casa


"Pensando bem, ler não é mais do que criar um pequeno jardim no interior da nossa memória. Cada livro vai trazendo alguns elementos, um canteiro, um carreiro, um banco onde podemos descansar quando estamos cansados”. Susana Tamaro

E assim vou acrescentando canteiros ao nosso jardim. Sim “nosso”, meu e do papi. Na nossa casa cheia de memórias habitam recordações, saudades e silêncios, mas também a alegria e o perfume das flores.
Sempre que encontro motivos, planto um canteiro que precisa muito cuidado e rego-o com atenção redobrada, pois cada canteiro é pertença do jardim, onde, pelo fim da tarde, passeio um pouco na companhia de Deus. Aprendo com Ele como se pode viver de memórias e de confiança.

" E a confiança permite-nos tanto"…(P.José Frazão, sj)


Sem comentários: